Cooperativa Reciclaleme

A iniciativa surgiu no ano 2000, quando a Prefeitura de Leme, através da Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (SADS), seguindo seu programa de combate à pobreza e, a partir da problemática da existência de coletores de materiais recicláveis no antigo “lixão” da cidade, criou o Projeto Reciclaleme. 

Inicialmente eram onze catadores, a coleta era realizada duas vezes por semana com um caminhão caçamba e os materiais coletados eram transportados para um barracão, ambos cedidos pela Prefeitura. Em uma mesa de separação era feita a triagem dos materiais, que posteriormente eram enfardados em uma prensa doada pela Empresa Coca-Cola e comercializados para um sucateiro da cidade de Araras.

Nos demais dias os catadores coletavam seu material individual, ou seja, materiais que eram comercializados e não eram divididos entre os outros catadores, além disso, eles recebiam auxílio mensal de uma cesta básica e um “sopão” duas vezes por semana. Apesar das dificuldades, com o número de pessoas que variava muito e que tinham dificuldade em trabalho em grupo, a Sra. Edna Landgraf manteve a intenção em transformar o Projeto em Cooperativa. “É gratificante ver as pessoas saírem das condições precárias em que se encontravam, ou seja, resgatá-las. Precisamos unir forças e continuar”, relatou.

A transformação tão esperada aconteceu. Com a expansão dos trabalhos, no ano de 2008, o Projeto Reciclaleme se mudou para um galpão maior e no dia 08 de abril de 2009, com vinte catadores, se constituiu como Cooperativa Reciclaleme, fundamentada nos princípios do cooperativismo, em seu estatuto social e regimento interno.

Infelizmente, no final do ano de 2011 um incêndio na Cooperativa destruiu toda a infraestrutura do local e os maquinários. Foi preciso então que as atividades fossem realizadas, provisoriamente, no Parque de Exposições “João Arraes Seródio”. A situação era difícil e precária, mesmo com a ajuda de R$ 10.000,00 da Prefeitura de Leme e Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (PML–SADS) para o resgate e reforma dos maquinários, a recuperação exigiu muita garra e determinação de todos os envolvidos.

No mês de julho de 2012 a PML-SADS disponibilizou outro local para a Cooperativa Reciclaleme, situado na Avenida Dr. Hermínio Ometto nº20, Jardim Alvorada, no qual ela encontra-se atualmente instalada e tem a expectativa que se torne seu endereço definitivo. 
As atividades executadas pelos Cooperados se resumem a coleta de rua (porta a porta), triagem em mesas de separação, prensagem e expedição (venda). Há um conselho administrativo e fiscal, democraticamente estabelecido, responsável pelo gerenciamento e gestão. 
São realizadas ainda capacitações e treinamentos relacionados à área socioambiental, visando promover a sustentabilidade e uma melhor qualidade de vida aos Cooperados.

O objetivo geral da Cooperativa é a inclusão socioprodutiva através da coleta seletiva de materiais recicláveis, dos catadores que exercem o trabalho de maneira insalubre e de pessoas maiores de dezoito anos que estejam excluídas do mercado de trabalho por idade, limitação física /mental, baixa escolaridade e desqualificação profissional. 

Benefícios gerados pelo trabalho realizado pela Cooperativa Reciclaleme:
• Aumento e despertar da consciência ecológica na comunidade, influenciando os cidadãos para mudanças de atitudes em prol do meio ambiente. Normalmente quem começa a reciclar um material logo irá adotar a reciclagem de outros materiais. 
• Possibilita a inclusão social e a integração ao “mundo do trabalho” das classes menos favorecidas já que é possível empregar de imediato. 
• Corrobora para a injeção de recursos na economia local. 
• Contribui para a diminuição da poluição da água, para o aumento dos índices de economia de energia elétrica.
• Por envolver uma grande quantidade de pessoas, pode-se tornar uma ferramenta que permite a rápida transmissão de ideias e conceitos associados a essa atividade a um grande público em pouco tempo.


“A Acil entendendo a importância do trabalho realizado pela Reciclaleme e ciente das dificuldades enfrentadas pela Cooperativa se dispôs a participar de reuniões com a Comissão de Trabalho iniciadas em agosto (2014) e formadas por pessoas das duas Entidades, para trabalharem o  planejamento estratégico, visando o crescimento da Cooperativa, e estabelecerem no plano de trabalho metas para curto, médio e longo prazo”, comenta José Cláudio Beltram – Presidente da Acil.

Atualmente a Cooperativa conta com 29 Cooperados, as coletas são realizadas em 07 bairros do município de Leme, cobrindo 06% da área urbana e a produção é vendida para 07 Empresas (sucateiros), sendo 03 de nossa cidade. É possível inscrever o seu bairro para participar da coleta ou até mesmo levar os materiais direto na sede da Recicla Leme (veja os contatos abaixo).

Contatos:
Av: Dr. Hermínio Ometto, nº20
Jd. Alvorada

email: cooperativa@hotmail.com
Facebook: Cooperativa de Leme

tags: entidade


Galeria de foto


<< Voltar


AGENDA DE EVENTOS